Rhynos e Weilers vencem e se enfrentam no Sampa Bowl 11

O Estádio Oswaldo de Carlos, em Guarulhos, foi palco das semifinais da Série Diamante da São Paulo Football League neste domingo (17). No primeiro jogo, o Rio Preto Weilers venceu o Corinthians Steamrollers, enquanto na partida que encerrou o dia o Guarulhos Rhynos bateu o Moura Lacerda Dragons.

Atuais campeões paulistas – a última final aconteceu em 2019 -, os Weilers atropelaram o Steam, com o placar de 55 a 14. Já o Rhynos venceu por 34 a 21. Confira como foram os jogos (textos via assessoria da SPFL):

RIO PRETO WEILERS X CORINTHIANS STEAMROLLERS

A partida começou com os atuais campeões estaduais aproveitando suas campanhas iniciais para abrir uma boa vantagem no placar. Logo nos primeiro minutos, o Weilers anotou um touchdown com WR #15 João Mendes, após passe do quarterback #13 Cody Lamoreaux.

Após uma campanha corinthiana sem sucesso, o ataque do Weilers voltou a campo e não perdeu tempo: anotou seu segundo touchdown na partida, desta vez com uma boa corrida do RB #17 Vinicius Gabriel. Nos dois TDs, o kicker #83 Adolfo “Ganso” converteu o extrapoint, abrindo 14 a 00 para o time do interior paulista.

Antes do término do primeiro quarto, o Corinthians reagiu: o RB #0 João Vitor Ferrari fez uma boa corrida e diminuiu a diferença no placar, recolocando o Steamrollers na partida. O kicker #18 Emerson Martins acertou o extrapoint.

Atrás do placar por uma posse de bola, a defesa corinthiana fez a sua parte no início do segundo quarto: parou o forte ataque do Weilers. Quando a posse de bola passou para o Steamrollers, veio o empate com mais uma corrida de João Vitor Ferrari, e mais uma conversão de extrapoint com Émerson Martins. Tudo igual em Guarulhos.

Mas o Weilers conseguiu impor seu ritmo de jogo e ir para o intervalo com uma boa vantagem no placar, com dois touchdowns ainda no segundo período. O primeiro TD foi do QB Cody, mostrando que ainda segue sendo um dos melhores RBs do estado. Após a defesa parar o ataque corinthiano, o time de ataque dos atuais campeões conseguiu mais sete pontos, com TD anotado pelo WR #2 Renato Munford e extrapoint convertido pelo kicker Ganso.

O terceiro período foi mais truncado para os dois times. Porém, o Weilers conseguiu encontrar um espaço na defesa corinthiana para mais um touchdown, outra vez com o quarterback Cody arriscando uma corrida, relembrando seus tempos de running back. Ganso mais uma vez converteu o extrapoint.

No último período o Weilers fechou a conta com mais três touchdowns: o RB #35 Pedro Matos, o RB #85 Odael Neto e o WR #11 Igor Rogue, chegaram a endzone corinthiana e carimbaram a presença do time de São José do Rio preto em seu terceiro Sampa Bowl consecutivo (todos os TDs com conversão do kicker Ganso).

GUARULHOS RHYNOS X MOURA LACERDA DRAGONS

O jogo tinha um ar de revanche, afinal de contas, o Dragons conseguiu dar fim a uma invencibilidade histórica do Rhynos na SPFL: o time de Guarulhos, que nas edições anteriores jogou a competição como Portuguesa FA, jamais havia sido derrotado na liga estadual. Até o duelo entre os dois times na fase regular, no qual o time de Ribeirão Preto venceu o jogo nos últimos segundo, pelo placar de 23 a 22.

O time da casa começou com tudo, e anotou os seus primeiros sete pontos do jogo ainda no primeiro período da partida. Passe do QB #16 Catullo Góes para o WR #83 Paulo Guimarães, com conversão de extrapoint pelo kicker #40 João Paulo Lustosa.

Guarulhos Rhynos vence Moura Lacerda Dragons, pela semifinal da SPFL 2022 (Foto: Ronaldo Barreto/NFL à Brasileira)

No segundo quarto, o Rhynos conseguiu manter o controle do jogo, ampliando a sua vantagem com mais dois touchdowns. O primeiro foi com passe de Catullo, desta vez para o WR #81 Paulinho Santos. JP Lustosa converteu mais uma vez o extrapoint. Após parar o ataque de Ribeirão Preto, o time de Guarulhos anotou mais um TD, desta vez com o WR #8 Luiz Felipe Dominguez, mas sem conversão do ponto extra.

Com 20 a 0 no placar, o jogo parecia decidido a favor do Rhynos já no início do terceiro quarto, quando o RB #1 Felipe Henrique, o “Finex”, anotou mais seis pontos para o time da casa. JP Lustosa converteu mais um extrapoint e vantagem foi para 27 pontos para o time da casa.

Antes do término do terceiro período, o Dragons reagiu e tirou o zero do placar com um touchdown anotado pelo TE #89 Lucas Melo. O kicker #9 Luiz Fernando Blanger converteu o extrapoint, diminuindo para 27 a 7.

O último período de jogo começou com mais um touchdown a favor do Rhynos em mais uma corrida, desta vez com o RB #17 Edimarcos “Kinho”. Com mais um extrapoint válido, o placar ficou em 34 a 7 a favor do time de Guarulhos.

Antes do término da partida o Dragons anotou mais dois touchdowns, com o TE #4 Renê Moraes e novamente com Lucas Melo. Em ambos os casos o extrapoint foi convertido por Luiz Fernando Blanger. A reação do time de Ribeirão Preto veio tarde: final de jogo, vitória do Rhynos por 34 a 21.

Ronaldo Barreto

Jornalista formado desde 2016, mas já trabalhava na área desde 2010, quando comecei em uma rádio comunitária em Guarulhos. Fui repórter (estagiário) na Federação Paulista de Futebol (FPF) e no site do jornal Diário de S. Paulo. Neste último, fui efetivado em 2016 e passei a ser o responsável por todo o conteúdo do portal do veículo em 2017, além das redes sociais. Com o intuito de fazer o futebol americano crescer ainda mais no Brasil, criei a página NFL à Brasileira, que se expandiu para este site de notícias sobre o esporte. Além da escrita, sou muito ligado à fotografia, principalmente de esportes.

%d blogueiros gostam disto: