BFA Elite 2019: Espectros decacampeão e finalistas pelo país

(Foto: Anderson Silva/JP Espectros) Por Caio Souza –  A soberania do João Pessoa Espectros no Nordeste permanece forte. Os Espectros conquistaram o decacampeonato nordestino sobre o rival Recife Mariners. Nas outras regiões do Brasil, o final de semana (02 e 03 de novembro) foi decisivo para garantir vaga nas finais de conferências.

Conferência Sul 

Atual vice-campeão do Sul, T-Rex precisou de um virada logo no primeiro tempo para despachar o Paraná HP, por  26 a 7. Running back Clair José, tratou de correr para iniciar a virada do Timbó, que chega em mais uma final da conferência Sul.

T-Rex confirmou favoritismo (Foto: Richard Ferrari/T-Rex)

O segundo finalista saiu do confronto entre Santa Maria Soldiers e Black Hawks. Os soldados de Santa Maria se aproveitaram de um fumble forçado no primeiro quarto para disparar no ataque e eliminar a sensação do campeonato, por 20 a 12.

Centro-Oeste

Tubarões do Cerrado e Sorriso Hornets fizeram uma disputa acirrada no ataque, mas prevaleceu a precisão do Quarterback norte-americano, Jordan Moore, do Tubarões. Jordan correu para dois touchdowns contribuindo para a classificação, por 27 a 20.

No outro lado da chave, Cuiabá Arsenal passou com facilidade dos Leões de Judá, com placar de 30 a 0. O time precisou apenas do primeiro quarto para mostrar a força do setor ofensivo e garantir a vaga na final contra o Tubarões do Cerrado.

Sudeste

Além de permanecer com a maior invencibilidade do FABR, Galo FA efetuou a maior goleada na história dos playoffs da BFA Elite. Vencendo o Tritões FA, por 63 a 0, o Galo irá para mais uma final de conferência.

O adversário do time de BH será o Vasco Almirantes, que bateu dentro de casa a Portuguesa FA. O time da Lusa foi para o intervalo na vantagem, mas não segurou o experiente ataque dos Almirantes.

Nordeste

João Pessoa Espectros soltou o grito de “Campeão!” pela décima vez. Os Espectros bateram o rival Recife Mariners, por 26 a 10. O decacampeão Nordestino precisou tirar a desvantagem de um TD no inicio da partida, sendo liderados para vitória nas mão do QB norte-americano Alex Niznak.

Agora, João Pessoa espera o vencedor de Galo FA vs Vasco Almirantes para decidir a vaga para o Brasil Bowl.

%d blogueiros gostam disto: