BFA Elite 2019: Galo vence Portuguesa e mantém invencibilidade histórica

(Foto: Elvis D’Paula/Click&Sound) Por Caio Souza – O final de semana (28 e 29 de Setembro) foi de tirar o fôlego das torcidas. Invencibilidades foram mantidas e quebradas, rebaixamentos e classificações para os playoffs. Com destaque para o Galo FA, que venceu sua 40° vitória seguida em uma partida eletrizante contra a Portuguesa FA.

Conferência Sudeste 

Os dois invictos do Sudeste, Galo e Portuguesa proporcionaram uma partida digna de final em Belo Horizonte. O time da Lusa estava vencendo até o último quarto, mas o Atlético mostrou a força do elenco para virar através de duas corridas do Running back Parris Lee, 22 a 19.

O Galo FA ostenta a maior sequência de vitórias do FABR, com 40 triunfos consecutivos. A Lusa perde sua invencibilidade na liga, mas ainda está na luta para uma boa colocação nos playoffs.

Conferência Sul 

Em mais uma virada eletrizante, T-Rex quebrou a invencibilidade do Santa Maria Soldiers, por 28 a 21. A partida se arrastou até a prorrogação, com uma corrida de Well para sacramentar a belíssima vitória do Timbó.

A vitória do Coritiba Crocodiles sobre o Jaraguá Breakers, por 48 a 0, não foi suficiente para garantir uma classificação aos playoffs. Pela primeira vez em sua história, os Crocodiles não participará da fase mata-mata.

Na última partida realizada no Sul do País, Black Hawks mostrou mais uma vez ser o time competitivo e garantiu sua vaga nos playoffs contra o São José Istepôs, por 26 a 15.

Conferência Nordeste 

Jogando em casa, o Recife Mariners defendeu sua invencibilidade contra o forte João Pessoa Espectros, por 35 a 19. O ataque do Mariners entrou em campo com toda potência e garantiu o belo triunfo da equipe.

Outra equipe que utilizou a força do mando de campo, Ceará Caçadores superou o Bulls Potiguares, por  27 a 15. Os Caçadores conseguiram a terceira vaga para os playoffs da BFA.

UFERSA Petroleiros precisava de uma vitória para afastar o risco de rebaixamento, e conseguiu. O time venceu de forma tranquila o Cavalaria 2 de Julho, por 14 a 8.

No mesmo cenário, o Natal Scorpions não conseguiu escapar da queda para BFA Acesso 2020. A equipe não conseguiu vencer na competição, e o rebaixamento foi sacramentado na derrota perante ao Santa Cruz Pirates, por 31 a 6.

%d blogueiros gostam disto: