Sob investigação, Tyreek Hill é afastado pelo Kansas City Chiefs

O Kansas City Chiefs anunciou o afastamento de Tyreek Hill. O jogador foi acusado de agredir o próprio filho, mas a justiça decidiu não denunciá-lo após a investigação. No entanto, um áudio vazado fez a franquia suspender o atleta. A suspensão é por tempo indeterminado.

Supostamente, esse conteúdo não foi apresentado à polícia. A KCTV mostrou mais detalhes do caso e divulgou parte do áudio em que Hill e sua esposa, Crystal Espinal, discutem.

Crystal fala que o filho, de apenas três anos, disse à mãe que o pai o agredia a socos. Ela diz ainda que a criança tem medo do pai, e ele a ameaça dizendo que “ela também tem que ter medo dele”.

A situação do recebedor só piora, porque se for comprovado que ele não disse a verdade durante a investigação, a punição será ainda maior.

O wide receiver já enfrentou outros problemas com a justiça. Em 2014, foi acusado de bater e tentar esganar a namorada, na época grávida de oito semanas.

Na ocasião, Hill acabou preso e demitido de Oklahoma State, onde jogava. Depois, se declarou culpado pelo crime. A pena se converteu em três anos de liberdade condicional.

Tyreek Hill, de 25 anos, foi selecionado na quinta rodada do Draft 2016. Rapidamente, se tornou um dos melhores recebedores da NFL. Com a velocidade sendo sua principal característica, teve 1.479 jardas e 12 touchdowns anotados na temporada 2018.

Não é o único

Os jogadores da NFL têm histórico de causar problemas sérios, principalmente com agressões. Os Chiefs mesmo demitiram um dos seus astros no ano passado. Kareem Hunt agrediu uma mulher em um hotel, no começo de 2018, e foi suspenso pela NFL. O running back achou um time que o acolheu, o Cleveland Browns.

Tyreek Hill (Foto: Instagran/Hill)

Ronaldo Barreto

Jornalista formado desde 2016, mas já trabalhava na área desde 2010, quando comecei em uma rádio comunitária em Guarulhos. Fui repórter (estagiário) na Federação Paulista de Futebol (FPF) e no site do jornal Diário de S. Paulo. Neste último, fui efetivado em 2016 e passei a ser o responsável por todo o conteúdo do portal do veículo em 2017, além das redes sociais. Com o intuito de fazer o futebol americano crescer ainda mais no Brasil, criei a página NFL à Brasileira, que se expandiu para este site de notícias sobre o esporte. Além da escrita, sou muito ligado à fotografia, principalmente de esportes.

%d blogueiros gostam disto: