NFL Draft 2019: Cardinals seleciona Kyler Murray na primeira escolha

O NFL Draft 2019 começou na noite desta quinta-feira (25), em Nashville. Com a primeira escolha geral do recrutamento, o Arizona Cardinals selecionou o quarterback Kyler Murray. O evento levou uma multidão, com cerca de 100 mil pessoas fora do teatro.

Ainda não está familiarizado com o recrutamento? Entenda como funciona o NFL Draft.

Nesta noite inaugural (o evento termina no sábado, 27), são 32 escolhas das equipes da National Football League. Chicago Bears, Cleveland Browns, Dallas Cowboys, New Orleans Saints e Kansas City Chiefs não têm seleções neste round porque já fizeram trocas com outras franquias – inicialmente, já que podem realizar outras negociações.

O NFL à Brasileira acompanha todas as escolhas deste primeiro dia. Confira o NFL Draft 2019 (última atualização 00h55):

1 – Arizona Cardinals: QB Kyler Murray, Oklahoma

Estiloso Kyler Murray estava (Foto: NFL/Instagram)
Estiloso Kyler Murray estava (Foto: NFL/Instagram)

Vencedor do Heisman Trophy, dado ao melhor jogador do College, o menino Murray era favoritaço a ser ‘first pick’. Escolhendo um lançador, Arizona deve, mesmo, se desfazer de Josh Rosen, selecionado na primeira rodada do ano passado.

2 – San Francisco 49ers: DE Nick Bosa, Ohio State

O irmão de Joey Bosa, do Los Angeles Chargers, é um monstro. Tem uma saída incrível e ataca o QB adversário com muita velocidade. Escolha também muito provável.

3 – New York Jets: DT Quinnen Williams, Alabama

Se San Francisco foi de Bosa, os Jets escolheram o segundo melhor defensor deste Draft. A linha defensiva da equipe fica muito reforçada com Williams.

4 – Oakland Raiders: DE Clelin Ferrell, Clemson

Não se esperava Ferrel em uma escolha tão alta. Quem vai saber o que Jon Gruden está pensando? Mas o prospecto tem talento e pode render.

5 – Tampa Bay Buccaneers: LB Devin White, LSU

Time precisando melhorar a defesa, começa com uma ótima opção. Não acredito ser o melhor da posição, mas é muito bom jogador.

6 – New York Giants: QB Daniel Jones, Duke

Em 2018, já se imaginava que o time azul buscasse um quarterback, não aconteceu e foram com o RB Saquon Barkley na primeira escolha. Agora, um lançador não escapou da mira dos Gigantes. Se era o melhor, já temos dúvidas. Fim de Eli Manning?

7 – Jacksonville Jaguars: OLB Josh Allen, Kentucky

Achava que Allen sairia antes. Bom outside linebacker.

8 – Detroit Lions: TE T.J. Hockenson, Iowa

Primeiro da posição a ser escolhido, Hockenson parece ser mesmo o melhor.

9 – Buffalo Bills: DT, Ed Oliver, Houston

É mesmo uma classe muito defensiva. Os principais talentos estão na linha, principalmente no interior, como é o caso de Oliver.

10 – Denver Broncos> Trocou com o Pittsburgh Steelers: LB, Devin Bush, Michigan

Os Steelers saltaram dez posições na primeira troca da noite para reforçar a defesa. Viram em Bush um possível substituto de Ryan Shazier. (Pittsburgh recebeu a 10ª escolha em troca da 20ª, a 52ª e uma de terceiro round do Draft 2020)

11 – Cincinnati Bengals: OT Jonah Williams, Alabama

Proteção com o melhor tackle da classe, na minha humilde opinião, claro. Primeiro da posição a ser escolhido.

12 – Green Bay Packers: OLB Rashan Gary, Michigan

Os ‘pressionadores’ de QBs estão cada vez mais valorizados.  Gary pode ajudar em uma posição carente nos Packers.

13 – Miami Dolphins: DT Christian Wilkins, Clemson

O projeto do time parece mesmo para pegar um QB somente em 2020. Imaginei que Wilkins cairia mais na lista, acabou entrando em uma boa posição.

14 – Atlanta Falcons: G Chris Lindstrom, Boston College

Matt Ryan agradece a proteção, ainda mais com saídas recentes da OL.

15 – Washington Redskins: QB Dwayne Haskins, Ohio State

Era bem provável que, se Haskins estivesse disponível, os peles-vermelhas fossem atrás.

16 – Carolina Panthers: DE Brian Burns, Florida State

Sem Julius Peppers, aposentado, os Panthers perderam força em um setor que já não era tão bom. Burns chega para incendiar (rs) o pass rush.

17 – New York Giants (via Cleveland Browns): DT Dexter Lawrence, Clemson

Não achei ruim, mas também não é boa. Ainda mais se considerarmos que Odell Beckham Jr. foi trocado por essa pick… A cabeça de Dave Gettleman é algo inexplicável.

18 – Minnesota Vikings: C Garrett Bradbury, North Carolina State

Interior da linha reforçado com o principal jogador da posição.

19 – Tennessee Titans: DT Jeffery Simmons, Mississippi State

Escolha controvérsia da noite. Dentro de campo, Simmons está lesionado. Fora de campo, lida com problemas de violência doméstica, inclusive com vídeo da sua agressão sendo publicado.

20 – Pittsburgh Steelers> Trocou com o Denver Broncos: TE Noah Fant, Iowa

Imaginava-se que poderia vir até um QB com a escolha 10, mas com a 20 e os principais lançadores do NFL Draft 2019 já escolhidos, foi melhor suprir uma carência.

21 – Seattle Seahawks> Troca com o Green Bay Packers: DB Darnell Savage, Maryland

Toda a defesa está sendo reestruturada. Escolher um defensive back aqui me pareceu justo. Não sei se seria tão urgente assim trocar pra cima. (Packers recebeu a 21ª escolha e enviou a 30ª, a 114ª e a 118ª)

22 – Baltimore Ravens> Troca com o Philadelphia Eagles: OT Andre Dillard, Washington State

Os jogadores de linha estão em alta, mesmo. Proteção para Carson Wentz. (Eagles recebeu a 22ª escolha e mandou 25ª, 125ª e 197ª para o Ravens)

23 – Houston Texans: OT Tytus Howard, Alabama State

Escolha arriscada. Jogador com suas qualidades, mas com seus pontos que precisam ser melhorados

24 – Oakland Raiders (via Chicago Bears): RB Josh Jacobs, Alabama

Primeiro running back saindo no Draft 2019, apenas na escolha 24, hein. Com a aposentadoria de Marshawn Lynch, era uma posição carente.

25 – Philadelphia Eagles> Troca com Baltimore Ravens: WR Marquise Brown, Oklahoma

A troca acabou sendo boa. Acredito que os Corvos pegaria Brown de qualquer jeito na 22ª, a fim de dar mais um alvo a Lamar Jackson.

26 – Indianapolis Colts> Troca para o Washington Redskins: DE Montez Sweat, Mississippi State

Jogador que acabou caindo muito no Draft. Precisa melhorar alguns pontos, mas é um boa aquisição. (Redskins recebeu a 26ª escolha e mandou a 46ª e uma segunda rodada do Draft 2020 para o Colts)

27 – Oakland Raiders (via Dallas Cowboys): S Johnathan Abram, Mississippi State

Das três escolhas dessa primeira rodada, duas foram para a defesa. Gruden deve ter desenhado esses momentos e já sabia o que fazer com as escolhas.

28 – Los Angeles Chargers: DT Jerry Tillery, Notre Dame

Escolha que faz sentido, foram na necessidade.

29 – Seattle Seahawks (via Kansas City Chiefs): DE LJ  Collier, TCU

Para a saída de Frank Clark, Seattle buscou uma reposição.

30 – Green Bay Packers (via New Orleans Saints)> Trocou para o Seattle Seahawks> Trocou para o New York Giants: CB DeAndre Baker

Pode ser considerado o melhor da posição para muitos. Pela posição, achei que acabou sendo a primeira boa do Giants.

31 – Los Angeles Rams> Troca para o Atlanta Falcons: T Kaleb McGary, Washington

Foco total em proteger Ryan, hein. Subir para pegar um jogador de linha ofensiva.

32 – New England Patriots: WR N’Keal Harry, Arizona State

Para encerrar a noite, o Patriots foi o Patriots: escolheu quem ninguém esperava. Mas quase sempre dá certo.

Imagem principal – Kyler Murray no NFL Draft 2019 (Instagram/NFL)

 

Ronaldo Barreto

Jornalista formado desde 2016, mas já trabalhava na área desde 2010, quando comecei em uma rádio comunitária em Guarulhos. Fui repórter (estagiário) na Federação Paulista de Futebol (FPF) e no site do jornal Diário de S. Paulo. Neste último, fui efetivado em 2016 e passei a ser o responsável por todo o conteúdo do portal do veículo em 2017, além das redes sociais. Com o intuito de fazer o futebol americano crescer ainda mais no Brasil, criei a página NFL à Brasileira, que se expandiu para este site de notícias sobre o esporte. Além da escrita, sou muito ligado à fotografia, principalmente de esportes.

%d blogueiros gostam disto: