Case Keenum diz que ficou “chocado” com contratação de Flacco

O Denver Broncos surpreendeu a todos ao investir em uma troca para adquirir Joe Flacco, há quase duas semanas. Todos, mesmo. QB titular da equipe em 2018, Case Keenum confessou que ficou “chocado” com a negociação.

Ele comentou que o general manager John Elway o procurou para explicar. “Elway me ligou naquela manhã e tivemos uma ótima conversa, algo que ele não tinha que fazer, e eu gostei. Eu estava definitivamente chocado, foi uma surpresa para nós e acho que provavelmente no primeiro dia e tal foi isso. Mas, para nós, estamos definitivamente decepcionados, não é algo que queríamos que acontecesse. Eu sei que todo mundo está fazendo o seu trabalho e John sente que essa foi uma chance para ele ajudar o Broncos”, declarou ao Sports Spectrum Podcast, ao lado da esposa, Kimberly.

Tudo indica que a contratação aconteceu para Flacco ser o líder do ataque de Denver em 2019. Keenum ressalta que tentará dar a volta por cima.

“Para nós, é outro capítulo em nossas vidas e vamos seguir com isso. Nós vamos encarar isso como eu faço com tudo em toda a minha vida, e não é por acaso que isso aconteceu. É apenas mais um capítulo e outra oportunidade para superar algumas adversidades em minha vida”, disse.

A franquia tem algumas opções nesse caso, e o menos provável é que Case continue na equipe. Em 2018, ele assinou contrato de dois anos por 36 milhões de dólares. Para este ano, o pagamento para o lançador tomará 21 milhões de dólares da folha salarial. Se dispensar o jogador, o time libera 11 e deixa 10 milhões como dinheiro morto.

De acordo com Ian Rapoport, da NFL Network, o plano dos dirigentes é trocar Case Keenum. Porém, se não conseguirem, tentarão renegociar o contrato para reduzir o salário ou cortá-lo do elenco.

Case Keenum (Foto: Gabriel Christus/Denver Broncos)

Ronaldo Barreto

Jornalista formado desde 2016, mas já trabalhava na área desde 2010, quando comecei em uma rádio comunitária em Guarulhos. Fui repórter (estagiário) na Federação Paulista de Futebol (FPF) e no site do jornal Diário de S. Paulo. Neste último, fui efetivado em 2016 e passei a ser o responsável por todo o conteúdo do portal do veículo em 2017, além das redes sociais. Com o intuito de fazer o futebol americano crescer ainda mais no Brasil, criei a página NFL à Brasileira, que se expandiu para este site de notícias sobre o esporte. Além da escrita, sou muito ligado à fotografia, principalmente de esportes.

%d blogueiros gostam disto: