Prescott não aceitaria contrato parecido com o de Tom Brady: “Ninguém tem uma esposa tão rica”

Após seus primeiros anos no Dallas Cowboys, Dak Prescott terá que mostrar que pode ganhar um bom contrato e permanecer no time. Há quarterbacks que têm o privilégio de ‘cobrar’ menos no vínculo para equilibrar a folha salarial, como faz Tom Brady, do Patriots. Para Prescott, ele consegue receber menos por ter uma vantagem.

“Ninguém tem uma esposa tão rica. Quando Tom Brady não é o cara que ‘sustenta’ a casa, esse é um ótimo problema para se ter”, disse Dak ao USA Today Sports.

“Então, nesse caso, ele pode fazer isso”, completou o camisa 4, alegando que o contrato do TB12 não é o ideal.

O jogador do Cowboys se refere à brasileira Gisele Bündchen, que já esteve no topo, mas ainda se mantém entre as modelos mais bem pagas do mundo.

Dak Prescott está em seu último ano do contrato de calouro e entraria como ‘agente livre’ em 2020. Provavelmente, ele quer estar entre os contratos mais valiosos, não? “Eu acho que o time sabe pagar o quanto merecemos”, comentou.

Em 2019, os quarterbacks que receberão os maiores valores na NFL serão Aaron Rodgers, do Green Bay Packers ($33,5 mi), Matt Ryan, do Atlanta Falcons ($30 mi) e Kirk Cousins, do Minnesota Vikings ($28 mi). Brady aparece apenas na 44ª posição contando todos os atletas, com o humilde salário de 15 milhões de dólares no ano.

O lançador do New England Patriots, por outro lado, pode negociar melhores bônus e ter times melhores ao seu redor. Além de ter grandes marcas como parceiros porque o time está sempre entre os melhores.

Foto: Reprodução/Instagram/Gisele

Ronaldo Barreto

Jornalista formado desde 2016, mas já trabalhava na área desde 2010, quando comecei em uma rádio comunitária em Guarulhos. Fui repórter (estagiário) na Federação Paulista de Futebol (FPF) e no site do jornal Diário de S. Paulo. Neste último, fui efetivado em 2016 e passei a ser o responsável por todo o conteúdo do portal do veículo em 2017, além das redes sociais. Com o intuito de fazer o futebol americano crescer ainda mais no Brasil, criei a página NFL à Brasileira, que se expandiu para este site de notícias sobre o esporte. Além da escrita, sou muito ligado à fotografia, principalmente de esportes.

%d blogueiros gostam disto: