Chad ‘Ochocinco’ ganha camisa e se oferece para jogar no Atlético

Eu já publiquei aqui a vez em que Chad ‘Ochocinco’ Johnson aceitou um convite de um clube de futebol, o Boca Raton FC, da Flórida (foto). Por isso, torcedor do Atlético Mineiro, você já pode sonhar com o ex-jogador da NFL no seu time.
Vamos à história. Na tarde desta sexta-feira (23), Johnson, sempre ativo no Twitter, postou uma pergunta: “Como consigo uma camisa do Atlético Mineiro do Ronaldinho Gaúcho, manga longa?”.
A conta oficial do clube respondeu, afirmando que mandaria as camisas, inclusive uma do time de futebol americano. “Já separamos a sua camisa. E vamos enviar também uma camisa do nosso time futebol americano, o Galo FA”, tuitou.

Foto das camisas que o Atlético mandará ao ex-jogador (Foto: Divulgação)

O ex-recebedor, prontamente, respondeu: “Amo vocês, cara. Não tenho certeza do que disseram, mas, sim, posso jogar por vocês, não preciso de dinheiro, só wi-fi, Fifa 19 e um XBox”.
“Muito obrigado, essa era a única coisa na minha lista de Natal”, completou.
Ele não deixou claro a qual esporte se dedicaria, porém bem que poderia ser o FA. Alguns jogadores norte-americanos passaram, outros ainda aqui estão, mas a vinda de um atleta tão conhecido como Chad Johnson seria algo sensacional para o esporte. Como disse, ele já aceitou jogar até futebol quando foi chamado, não custa nada sonhar…
Na NFL, foram 11 temporadas, dez delas pelo Cincinnati Bengals e uma com o New England Patriots. Passou das 11 mil jardas em recepções e teve seu melhor ano em 2007, quando somou 1.440 jardas e 8 touchdowns.
Em 2006, foi o líder em jardas aéreas na temporada regular. Chad foi eleito para o Pro Bowl em seis oportunidades.
O Galo FA é o atual campeão da BFA, a elite do Campeonato Brasileiro da modalidade. Em 2018, o time já avançou para a semifinal da competição, que será contra o Tritões FA, do Espírito Santo.

Ronaldo Barreto

Jornalista formado desde 2016, mas já trabalhava na área desde 2010, quando comecei em uma rádio comunitária em Guarulhos. Fui repórter (estagiário) na Federação Paulista de Futebol (FPF) e no site do jornal Diário de S. Paulo. Neste último, fui efetivado em 2016 e passei a ser o responsável por todo o conteúdo do portal do veículo em 2017, além das redes sociais. Com o intuito de fazer o futebol americano crescer ainda mais no Brasil, criei a página NFL à Brasileira, que se expandiu para este site de notícias sobre o esporte. Além da escrita, sou muito ligado à fotografia, principalmente de esportes.

%d blogueiros gostam disto: