Entenda o FA: Conceitos do jogo corrido

Após este artigo, você será capaz, se quiser, de até implementar no time que você joga, ou apenas entender um pouco mais do que rola entre as trincheiras.

Primeiro de tudo, é necessário entender o que é GAP. Basicamente, é o “buraco” por onde o corredor irá passar na corrida. Existem algumas nomenclaturas para esse GAPS.

Exemplo:

*Os números se referem aos GAPS na visão do ataque, enquanto as letras na visão da defesa.

Após essa imagem, temos um breve conhecimento sobre o que é gap. Vamos então para os tipos de corrida.

DIVE: Essa corrida é feita por dentro da linha ofensiva, podendo ter um líder de bloqueio ou não. O running back deve correr entre os GAPS 1 a 4. Caso o COACH chame uma DIVE RIGHT, já sabemos que a corrida será no GAP 2 ou 4. A definição final do gap vem através da leitura do posicionamento da DL. Se o DT que estiver na frente do Guard ficar posicionado na letra A, a corrida será pelo numero 4. Se o DT estiver na Letra B, a corrida será no numero 2.

COUNTER: Existem 2 tipos, Counter ou COUNTER GT.  A princípio, é uma corrida para enganar a defesa. O começo dela é fingir que vai para um lado e atacar o outro lado. Nesse tipo de corrida acontece o famoso PULL, que é o deslocamento do offensive line para liderar a corrida ou bloquear um certo jogador. A única diferença entre as duas counters é a quantidade de PULL que terá a corrida. A GT como o nome diz, vai o Guard e o Tackle, enquanto a outra apenas o Guard. O objetivo do PULL é atacar o Defensive End na corrida. Caso o Tackle também esteja fazendo o deslocamento, ele ira liderar a corrida para o RB, atacando o primeiro que aparecer em sua frente, normalmente um OLB.

Exemplo:

*No caso da imagem, o TE pegou o DE, o Guard vai atacar o OLB e o Tackle lidera a corrida.

JET SWEEP: É uma corrida por fora da linha ofensiva, GAP 7/8. É chamado um motion* de um jogador, normalmente o Slot Receiver, que deve ganhar a lateral do campo. Para a linha ofensiva existem várias movimentações: Ela pode fazer uma ZONA para o lado da corrida ou para o lado ao contrário, dependendo do tipo de estratégia do treinador. A ZONA para o lado oposto é efetiva quando se tem um RB no backfield, pois a defesa não saberá se é um Jet Sweep para esquerda, ou uma corrida com o RB para a direita. A movimentação pode tirar o Safety da jogada, se estiver em cover 1 (conheça a defesa do futebol americano)

*Motion é a movimentação antes da jogada começar de um jogador do ataque.

STRETCH/ZONE: Corrida para a lateral do campo parecido com a JET SWEEP. Nesse caso, o RB que corre com a bola. A linha ofensiva faz a movimentação de TRILHO. Caso a corrida seja para direita, cada OL precisa pegar o defensor do seu ombro direito, o OL que estiver descoberto sobe para o segundo nível.

Reparem que o DE da esquerda fica solto na jogada e isso abre espaço para outro tipo de corrida.

Read Option: Quando se tem um QB com agilidade nas pernas, esse tipo de corrida se torna um problema para a defesa.

A leitura é simples, segue o mesmo exemplo da corrida STRETCH/ZONE. A diferença é que se o DE  que ficou livre tentar cortar a linha de corrida do RB, o QB pode manter a bola e correr para o outro lado da corrida, aproveitando os bloqueios dos WRS.

Exemplo: Bola com RB:

 

via GIPHY

Bola com QB + passe:

 

via GIPHY

DRAW

O conceito dessa corrida é simular um passe e depois fazer o handoff para o RB iniciar a corrida. É interessante usar esse tipo de corrida quando o ataque tem um estilo de jogo de passe. Pois os jogadores defensivos irão “dropar”* em suas zonas ou marcações individuais, abrindo espaço para a corrida de ganho médio. Nessa corrida, os WR’s fazem uma rota longa para levar a defesa para o fundo do campo. Enquanto a OL inicia a movimentação de pocket e depois sobe para o segundo nível.

*Dropar: movimentação de dropback, andar de costas indo em direção a zona determinada do campo ou acompanhando o WR.

É sempre importante lembrar que existem outros tipos de corrida e cada time tem um esquema de bloqueio. Esses esquemas e corridas apresentados aqui foram encontrados na internet e usados em alguns playbooks de times que já joguei.

Espero que tenham gostado!

Foto principal: Ronaldo Barreto/NFL à Brasileira

%d blogueiros gostam disto: