Entenda o FA: Como funciona o Draft da NFL

Por Ronaldo Barreto – O Entenda o FA explica, desta vez, algo que acontece fora dos gramados, mas tem extrema importância para toda a liga. O Draft da NFL é o principal momento para os fãs durante a tão sofrida intertemporada.

Basicamente, é um evento de três dias em que as equipes da National Football League recrutam calouros das universidades norte-americanas, através de escolhas que são definidas conforme o desempenho das equipes na última temporada – inversamente proporcional: o pior time escolhe primeiro; o campeão é o último a selecionar. São sete rodadas de escolhas, cada franquia com uma ‘pick’ em cada round (na teoria, veja mais abaixo).

O principal motivo para a existência do draft é a tentativa de manter a liga equilibrada (assim como os contratos, o teto salarial). Todos terão, em alguma temporada, a chance de escolher um ótimo jogador vindo do College.

Vamos às etapas:

Como se eleger ao Draft da NFL/Combine

A NFL exige que o jogador tenha saído do High School (Ensino Médio) há pelo menos 3 anos para estar elegível. Há como pedir uma permissão à NFL para ficar elegível antes de se formar na faculdade.

Para ‘impressionar’ os técnicos e dirigentes das franquias da liga, os jovens fazem o NFL Combine, uma série de testes físicos, como corridas e saltos, além de algumas provas específicas para cada posição. Nestes dias, os treinadores aproveitam para conversar com os atletas e avaliá-los.

O 1º Dia

A abertura do evento é a parte mais empolgante. Pessoas palpitam em várias casas de apostas quem será a primeira escolha geral.

No momento em que o comissário da NFL avisa “Tal equipe está no relógio”, a franquia mencionada tem 10 minutos para fazer a sua escolha. Quanto mais cedo o jogador é selecionado, melhor vai ser o seu contrato, independente do time. 

As trocas/Outras rodadas

Antes do Draft, as escolhas já estão ‘bagunçadas’. Isso porque as equipes cedem escolhas em troca de jogadores. Por exemplo: em 2017, o New England Patriots selecionou seu primeiro jogador apenas na terceira rodada, pois havia cedido escolhas em troca do recebedor Brandin Cooks, que estava no New Orleans Saints.

No entanto, o ‘troca-troca’ (ui) também acontece durante o evento. Citando mais uma vez um exemplo recente, de 2017, o Chicago Bears tinha a terceira escolha geral, mas, quando o San Francisco 49ers estava em sua vez de selecionar (2ª), a franquia negociou a escolha para recrutar o quarterback Mitchell Trubisky, que veio da universidade North Carolina. Em troca, Chicago deu as escolhas da primeira, quarta e quinta rodadas.

Acumulando várias trocas durante os últimos anos, o Cleveland Browns, por exemplo, recrutou 10 calouros e ainda garantiu boas escolhas para os próximos anos.

Nas outras rodadas, o tempo para discutir a seleção diminui: 2ª rodada 7 minutos; 3ª à 6ª rodada 5 minutos; 7ª rodada 4 minutos.

Em 2018, o Draft da NFL acontece entre os dias 26 e 28 de abril.

Ronaldo Barreto

Jornalista formado desde 2016, mas já trabalhava na área desde 2010, quando comecei em uma rádio comunitária em Guarulhos. Fui repórter (estagiário) na Federação Paulista de Futebol (FPF) e no site do jornal Diário de S. Paulo. Neste último, fui efetivado em 2016 e passei a ser o responsável por todo o conteúdo do portal do veículo em 2017, além das redes sociais. Com o intuito de fazer o futebol americano crescer ainda mais no Brasil, criei a página NFL à Brasileira, que se expandiu para este site de notícias sobre o esporte. Além da escrita, sou muito ligado à fotografia, principalmente de esportes.

%d blogueiros gostam disto: