Por que torcer para o Bills nesse mata-mata da NFL

Nesta série de textos, colocamos os pontos fortes de cada time que se classificou para os playoffs após a temporada regular de 2017. Você vai torcer para quem você quiser, claro. Não gostou de nenhum? Tem mais 20 equipes na NFL. Mas a intenção é enaltecer as qualidades só destes

MAIS: Transmissões dos playoffs da NFL 2017

Por Ronaldo Barreto – Entre os classificados, o Buffalo Bills está no patamar dos menos populares aqui no Brasil. Há muito tempo não ganha nada, já não aparecia nos playoffs desde 1999 (uma eternidade) e não teve um quarterback brilhante que destacasse a franquia nas últimas décadas. Você pode pensar isso por um lado ruim, mas há quem torcerá pelo ‘azarão’ da AFC Leste. Tenho certeza disso. Principalmente depois de conhecer a equipe melhor.

A suada vaga ao mata-mata só foi concretizada na última rodada, após a vitória sobre o Miami Dolphins, por 22 a 16. Depois, tiveram que secar o Baltimore Ravens, que perdeu para o Cincinnati Bengals por 31 a 27. O vestiário do time foi uma festa. O alívio veio porque a temporada ‘montanha-russa’ da equipe foi difícil de acompanhar.

Nos sete primeiros jogos, a equipe estava com a campanha 5-2, à frente do quase sempre líder New England Patriots na divisão. Ninguém esperava essa consistência. As apostas eram, como sempre, contra. Mas os Bills encabeçavam a divisão, mesmo com os vacilos de Tyrod Taylor (esteve em campo em 15 jogos, 14 como titular; teve 2.799 jardas em passes, para 14 touchdowns e 4 interceptações).

A desilusão começou a partir da derrota para o New York Jets, e a antes promissora temporada passou a ficar preocupante. Mais um ano sem se classificar?

A Buffalo Bills Brasil, página de Facebook dedicada aos fãs da franquia, descreve o sentimento do torcedor após conseguir, depois de tanto sobe e desce, a classificação, que quebrou uma seca que parecia eterna:

“Nenhuma das 12 equipes que estão nos playoffs merecem mais do que o Bills o apoio de novos torcedores. A equipe estava desde 1999 sem aparecer na pós-temporada e conseguiu isso em um ano em que muitos diziam que a equipe iria ‘tankar’*. Para se ter uma ideia do que é o sentimento que a torcida do Bills tem pelo time, após Andy Dalton acertar um passe e confirmar um TD que deu a vitória para o Bengals, tirando o Ravens dos playoffs, os torcedores do Bills doaram, em menos de dois dias, mais de 180 mil dólares para a fundação do Dalton, que ajuda crianças com necessidades especiais. Além disso, uma multidão foi para o aeroporto no Ano Novo, com uma temperatura de -16 graus, para apoiar o time após a classificação, mostrando o quão apaixonada é a nossa torcida”

Sobre a campanha, cheia de altos e baixos, os Bills mostraram um bom jogo corrido. A franquia aparece em 6º no quesito em toda NFL, com 2017. O RB LeSean McCoy é o 4º colocado com 1138 jardas em suas 287 carregadas. O jogador marcou ainda 6 touchdowns.

Na quantidade de tackles, com 1015, o Buffalo Bills lidera as derrubadas na liga em 2017. O jovem middle linebacker Preston Brown teve uma temporada sólida e é o primeiro no ranking, com 144. O número 52 ainda desviou 3 passes nos 16 jogos em que atuou.

Jejum e gosto amargo

O time nunca conquistou um Super Bowl. É maluco dizer que o Bills já chegou quatro vezes na grande final? Imagina, então, que foram quatro vezes SEGUIDAS, com quatro derrotas SEGUIDAS. Os torcedores sofrem em Buffalo, mas acreditam sempre.

*tankar vem de ‘tank’, expressão usada para dizer que o time não se esforçará tanto na temporada para obter uma posição boa no Draft

Ronaldo Barreto

Jornalista formado desde 2016, mas já trabalhava na área desde 2010, quando comecei em uma rádio comunitária em Guarulhos. Fui repórter (estagiário) na Federação Paulista de Futebol (FPF) e no site do jornal Diário de S. Paulo. Neste último, fui efetivado em 2016 e passei a ser o responsável por todo o conteúdo do portal do veículo em 2017, além das redes sociais. Com o intuito de fazer o futebol americano crescer ainda mais no Brasil, criei a página NFL à Brasileira, que se expandiu para este site de notícias sobre o esporte. Além da escrita, sou muito ligado à fotografia, principalmente de esportes.

%d blogueiros gostam disto: