Geno Smith será o QB titular do Giants contra o Raiders

O técnico principal do New York Giants, Ben McAdoo, pegou os torcedores de surpresa. O treinador anunciou, na tarde desta terça-feira (28), que Geno Smith será o quarterback titular na partida contra o Oakland Raiders, no domingo (3), às 19h25.

MAIS:

Aquib Talib e Michael Crabtree são punidos com suspensão

Transmissões da semana 13 da NFL

“Geno será o titular nesta semana. Nos próximos cinco jogos, observaremos Geno e, também, daremos oportunidades a Davis (Webb, calouro)”, afirmou.

Smith falou sobre a chance de atuar. “Eu quero ir lá e dar tudo por uma vitória para esses caras e jogar duro por esse time”, ressaltou.

Com a troca, Eli Manning, ídolo da franquia, ficará no banco após 210 jogos de temporadas regulares consecutivos como titular – segunda maior sequência da posição na NFL, perdendo apenas para Brett Favre, 297. Manning foi perguntado se queria apenas começar jogando e depois ser substituído, somente para aumentar seu recorde. O camisa 11 recusou.

“McAdoo me disse que eu continuaria começando os jogos enquanto Geno Davis teriam chances de jogar. Eu penso que, se for para colocar os caras, coloque logo. Fazer com que eu comeceos jogos só para a sequência do recorde seguir e sabendo que não vou ficar até o fim mesmo tendo uma chance de vencer não tem sentido nenhum. Como sempre, estarei pronto para jogar, se necessário. Ajudarei Geno e Davis na preparação”, comentou Eli, ao site oficial do Giants.

Com uma campanha de 2 vitórias e 9 derrotas, o New York Giants já não tem mais chances de classficação para o mata-mata. A equipe sofreu com as lesões em 2017, perdendo Odell Beckham Jr. e Brandon Marshall no ataque, além de outras peças importantes.

Eli Manning é um dos grandes ídolos da história recente da franquia. O quarterback já liderou o ataque em duas conquistas de Super Bowl e foi escolhido o MVP da final nas duas. Manning, de uma família de grandes jogadores de futebol americano, foi escolhido na primeira rodada do Draft de 2004 pelo San Diego Chargers (atual Los Angeles). Mas, em uma decisão polêmica, acabou nem jogando pela franquia e se juntou aos Gigantes. Em 2017, o jogador não está bem, mas, claro, não é o único culpado por uma temporada tão ruim do time.

Em 11 partidas, ele tem 62,5% de aproveitamento nos passes, com 2411 jardas aéreas, 14 touchdowns e 7 interceptações. O QB marcou ainda um TD correndo com a bola.

Foto: Reprodução/Twitter

Ronaldo Barreto

Jornalista formado desde 2016, mas já trabalhava na área desde 2010, quando comecei em uma rádio comunitária em Guarulhos. Fui repórter (estagiário) na Federação Paulista de Futebol (FPF) e no site do jornal Diário de S. Paulo. Neste último, fui efetivado em 2016 e passei a ser o responsável por todo o conteúdo do portal do veículo em 2017, além das redes sociais. Com o intuito de fazer o futebol americano crescer ainda mais no Brasil, criei a página NFL à Brasileira, que se expandiu para este site de notícias sobre o esporte. Além da escrita, sou muito ligado à fotografia, principalmente de esportes.

%d blogueiros gostam disto: