Em virada histórica, New England Patriots conquista seu 5º Super Bowl

Por Ronaldo Barreto

Que jogou LOUCO! Difícil achar uma palavra para definir o Super Bowl LI, vencido pelo New England Patriots – o 5º na história da franquia -, na primeira vez em que a grande final da NFL foi para a prorrogação, por 34 a 28. Foi impressionante o que aconteceu na noite deste domingo (5), em Houston, no NGR Stadium.

O jogo

Primeiro, quem não assistiu precisa saber que a partida foi dividida em duas partes totalmente distintas.

Até próximo do fim do terceiro quarto da decisão, o Falcons vencia com uma ótima vantagem de 28 a 3. Matt Ryan, Julio Jones e Devonta Freeman passeavam sobre a defensa do Patriots, enquanto Tom Brady era pressionado em praticamente toda jogada e não conseguia fazer nada.

Freeman fez o primeiro TD do jogo com uma corrida de 5 jardas. Austin Hooper ampliou o marcador recebendo passe, Robert Alfred interceptou o passe de Tom Brady e correu para ampliar e Tevin Coleman quase enterrou as chances de uma virada, anotando um touchdown.

No entanto, do outro lado estava o Patriots, do técnico multicampeão Bill Belichick, e uma partida nunca está acabada com esse cara.

James White começou a jogar muito. Marcou dois touchdowns e uma conversão de dois pontos. Danny Amendola também colaborou com um td para deixar tudo empatado. Uma vantagem de 25 pontos foi incrivelmente tirada e o jogo foi para prorrogação.

New England venceu o cara ou coroa e escolheu a posse de bola. Em poucas jogadas, conseguiu o td necessário para vencer, mais uma vez com White, e comemorou mais um título da National Football League.

Domínio

Pela sétima vez, Tom Brady e Bill Belichick levaram o time ao Super Bowl. Com o título, eles chegaram à quinta conquista. Brady se tornou o jogador com mais anéis de SB da história. O ‘Giselo’ ainda foi escolhido MVP do Super Bowl pela quarta vez.

Confira alguns lances da partida:

//platform.twitter.com/widgets.js

//platform.twitter.com/widgets.js

//platform.twitter.com/widgets.js

//platform.twitter.com/widgets.js

//platform.twitter.com/widgets.js

//platform.twitter.com/widgets.js

//platform.twitter.com/widgets.js

//platform.twitter.com/widgets.js

Ronaldo Barreto

Jornalista formado desde 2016, mas já trabalhava na área desde 2010, quando comecei em uma rádio comunitária em Guarulhos. Fui repórter (estagiário) na Federação Paulista de Futebol (FPF) e no site do jornal Diário de S. Paulo. Neste último, fui efetivado em 2016 e passei a ser o responsável por todo o conteúdo do portal do veículo em 2017, além das redes sociais. Com o intuito de fazer o futebol americano crescer ainda mais no Brasil, criei a página NFL à Brasileira, que se expandiu para este site de notícias sobre o esporte. Além da escrita, sou muito ligado à fotografia, principalmente de esportes.

%d blogueiros gostam disto: